{Book Tour} - Terras Metálicas - Renato C. Nonato

   Galera estamos participando do BT do livro Terras Metálicas e hoje 23/11 o livro completa 1 ano de seu lançamento e para comemorar vários blogs se juntaram e vão fazer uma postagem de apresentação do livro e promover um twittaço com a hashtag #TerrasMetálicas - Bem vindos a esfera e participem do twittaço.
























Autor: Renato C. Nonato
Editora: Novo Século
Páginas: 616
Sinopse: A Última Guerra lavou a atmosfera com uma massa nuclear, tornando-a incapaz de sustentar a vida. Para continuar sobrevivendo, a humanidade precisou se adaptar, isolando-se numa atmosfera artificial: a Esfera, local onde tem se mantido com o passar das gerações. A utopia da sociedade reinou desde então, com a paz sendo mantida com mão de ferro pela Elite. Mas essa paz pode acabar… Raquel é uma recém-formada em primeiro nível na Academia, que passa seu tempo livre entre Saturno – o parque temático da Esfera – e divagações sobre seu sonho de voar. Ao iniciar uma nova etapa de vida, ela vai encarar a cerimônia de implante que pode tornar esse sonho realidade, se a habilidade dos Túneis lhe for conferida. Mas essa nova etapa também vai levá-la por caminhos perigosos… Raquel descobrirá que o IA, responsável por todos os sistemas de sobrevivência da Esfera, está com os dias contados. Como manter a sanidade sabendo que a vida tal qual você conhece está para acabar? Raquel ainda não tem essa resposta, mas vai precisar encontrá-la. E para isso ela precisará, mais do que nunca, da ajuda de seus amigos… Tashi, Tales, Ângelo, Camila, Liceu, Isabela e Nirvana lhe darão sustentação quando tudo o mais na utópica Esfera estiver ruindo.

Carta aberta enviada por Ricardo C. Nonato

Aos futuros leitores de Terras Metálicas,

Para você que não me conhece – e devem ser muitos de vocês – eu sou Renato Carajelescov Nonato, autor do livro infanto juvenil Terras Metálicas. Já faz um tempo que me pediram para escrever uma carta aos leitores e para isso eu refleti sobre algumas coisas...

Se eu dissesse Harry Potter, Percy Jackson, Crepúsculo, Cinquenta Tons de Cinza, Guerra dos Tronos... Bom, independente do gosto literário a gritante maioria dos brasileiros conheceria esses nomes. Mas, curiosamente, dizem que os brasileiros não gostam de ler e eu vejo muita gente concordando com isso. Mesmo com a aquisição de livros no nosso país crescendo a cada ano, tanto que já somos o nono maior mercado editorial do mundo, com uma população estimada de quase 90 milhões de leitores. Isso é o quê, 45% da população? Um país com 45% da população leitora pode ser considerado um país de não leitores?

Mas ao passo em que eu consigo citar uma lista bem grande de livros com fãs no país eu percebo uma coisa, percebo que a grande maioria desses livros são estrangeiros. Ora, que os livros inspiram, abrem horizontes e mudam vidas, disso ninguém duvida, e conforme os brasileiros leitores vão saindo do armário, os brasileiros escritores também vão! Se você já deu a chance para um best-seller nacional sabe que ele não deve nada para o best-seller estrangeiro. Então, por que é tão difícil? Por que ao se entrar numa livraria vemos as ilhas de livros com tantos autores de sobrenomes complicados?

*Ok, talvez eu tenha abusado aqui, pois como descendente de russos meu Carajelescov não é a coisa mais usual do mundo – por isso abreviei para C. no Terras Metálicas –, mas acredito que você pegou a ideia*

Eu podia citar a falta de interesse das editoras, que gastam milhares de reais em marketing de estrangeiros enquanto fazem os autores nacionais se virarem. Eu podia citar a falta de interesse das livrarias, que colocam em posição de destaque só os títulos vindos de fora. Eu podia citar a falta de espaço nos veículos de comunicação, afinal quantos escritores vocês já viram dando entrevistas por aí?

Mas isso é querer uma mudança de pensamento dos grandes, o que vai contra a regra. A regra diz que os grandes só mudam depois que os pequenos o fazem. Por isso eu me dirijo à você leitor, você que faz parte do nono maior mercado editorial do mundo, você que representa 45% da população, você que é um dos quase 90 milhões de leitores desse país... Quando for na livraria da próxima vez ou tiver aquela lista gigantesca de livros no Submarino, que tal dar uma olhada na não muito popular sessão de livros nacionais antes de fechar sua compra? Procurar os desconhecidos compatriotas que batalham como espartanos atrás de espaço?

Porque você não se torna um soldado desse exército?
A literatura brasileira agradece.

Renato C. Nonato
Terras Metálicas

   Bem é isso ae pessoal, em breve vocês verão a resenha deste livro aqui no blog e não deixem de apoiar o twittaço! Um abraço e até mais pessoal!


Diego de França

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar no "Leitor Sagaz" em breve seu comentário será publicado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...